Destaque — 09/04/2019 at 22:14

Um diálogo entre: Ética e Tecnologia

por

Na Extensão Artur Nogueira, aconteceu uma aula interdisciplinar. Com o vento de uma dialética conseguimos um diálogo motivado entre a disciplina ética e as disciplinas técnicas do curso de informática. Esta aula aconteceu com os professores: Esdras, Roberson e Thiago.

Neste diálogo comecemos com o filósofo inglês Bertrand Russel que propõe que a ética é subjetiva, não contém expressões verdadeiras ou falsas, ela é a expressão dos desejos de um grupo, sendo que certos desejos devem ser reprimidos e outros reforçados, para se atingir a felicidade ou o equilíbrio do grupo.

A Ética profissional esta relacionada com a conduta da pessoa engajada na pratica de uma profissão particular. Na maioria das profissões, inclusive na área de Informática, a Ética deve ser abrangida nos dois aspectos, na conduta da pessoa como Ser Humano bem como também na conduta do Ser Profissional, foi nesta oportunidade que conseguimos unir as disciplinas. Temas discutidos: Pós Verdade, Dilemas éticos, Fake News, Fotografia.

Sabemos que a tecnologia está em nossas mãos, mas é preciso transformar a sala de aula propões sempre um bom senso no uso das tecnologias. O que é considerado “justo” para uns pode ser considerado “injusto” para outros; a justiça deve estar ligado a um coração leve, e o mais importante, deve ser levado em conta às intenções que levaram um indivíduo a realizar alguma coisa definida como antiética, não podemos entrar em uma página social e no lugar de teclar começar a atirar, por isto o bom senso em comentar suas opiniões, afinal são suas opiniões, tanto como certa ou errada. Um individuo, pode sim agir em desacordo com a moral da sociedade em que está inserido, podendo inclusive prejudicar os outros indivíduos, no entanto, se as suas ações são justificáveis para o próprio individuo e estão de acordo com as suas crenças sobre o que é correto, é dito que este individuo possui um comportamento ético, correto perante si, mas não perante a sociedade ou grupo no qual esta inserido.

Neste dia apreendemos que podemos trabalhar o bom senso e exercer a cidadania e pesquisar fontes antes de emitir qualquer opinião, afinal “o maior desafio não é como viver, e sim, como conviver”.